Calina

Artigos

Anunciar no Youtube: uma maneira de melhorar sua marca

aprox. 8 min / Marketing
Anunciar no youtube

O consumo de vídeos online não para de crescer. É isso que mostra o estudo Video Viewers 2017: atualmente, 86% dos brasileiros assistem a vídeos na internet, o que representa um crescimento de 90% em três anos e uma necessidade cada vez maior de anunciar no YouTube.

E é só olhar ao seu redor para ver que a pesquisa mostra mesmo a realidade. Ao rolar o feed do Facebook, não faltam vídeos dos seus amigos e de páginas que você segue. No intervalo do trabalho, sempre tem alguém rindo de algum vídeo no computador. E, em casa, o melhor programa é assistir à sua série preferida pela internet.

Todo mundo encontra alguma coisa, porque não faltam opções de conteúdos e canais. Porém, existe uma plataforma que se destaca pela quantidade de conteúdos e de espectadores: o YouTube, o grande propulsor dos vídeos online.

Por isso, as marcas que estão interessadas em se conectar com o consumidor atual precisam estar atentas a essa plataforma e, principalmente, nas possibilidades de anunciar no YouTube.

Neste post, vamos falar sobre as vantagens e as possibilidades de anunciar no YouTube. Quem sabe essa não é uma grande oportunidade para a sua marca, hein? Então, acompanhe agora:

Por que anunciar no YouTube? Entenda as principais vantagens

O YouTube surgiu em 2005 como um site de compartilhamento de vídeos. De lá para cá, cresceu vertiginosamente, tornando-se a principal plataforma de vídeos na internet — não só para os usuários, mas também para as marcas.

Entenda agora os benefícios de anunciar no Youtube:

Audiência

Segundo a pesquisa Video Viewers 2017, 99% de quem assiste a vídeos na web usa o YouTube. Já imaginou a quantidade de pessoas que você pode alcançar nesta plataforma?

Segmentação

Ao mesmo tempo em que o YouTube permite alcançar milhões de pessoas, ele também oferece opções de segmentação de público-alvo para você atingir exatamente quem precisa.

Engajamento

Conteúdos em vídeo conseguem entreter os espectadores por horas e horas na frente da tela. Por isso, é um dos formatos de conteúdo com maior potencial de engajamento.

Qualidade

Com tantos anos de estrada, o YouTube já investiu muito na qualidade da exibição dos vídeos, que podem se adaptar ao tipo de tela e de conexão que a audiência estiver usando.

Configurações

Por mais que você não tenha experiência em anunciar no YouTube, vai ser fácil configurar uma campanha no Google Adwords, que é a plataforma de criação de anúncios para o YouTube.

Métricas

Assim como em outras plataformas de marketing digital, você também pode conferir no Google Adwords todos os resultados dos seus investimentos e otimizar as campanhas.

Como anunciar no YouTube?

Conseguiu perceber todo o potencial de anunciar no YouTube? Sua marca tem muito a ganhar! Agora você já deve estar a fim de começar a criar as campanhas, né? Então, vamos ver como fazer isso:

Tipos de anúncios para o YouTube

Dentro da plataforma do Google Adwords, você pode optar por diferentes tipos de anúncios no YouTube:

  • Anúncios gráficos: são exibidos apenas no desktop, na coluna à direita do vídeo que está sendo assistido.
  • Anúncios de sobreposição: são anúncios gráficos ou de texto, também exibidos só no desktop, sobre o vídeo em destaque (na sua parte inferior).
  • Anúncios em vídeo puláveis: aparecem no player antes, durante ou depois do vídeo principal, sendo que o usuário tem a opção de pular o anúncio depois de 5 segundos de exibição.
  • Anúncios em vídeo não puláveis: também são exibidos antes, durante ou depois do vídeo principal, mas o usuário não pode pular o anúncio, que pode durar 15 ou 20 segundos.
  • Anúncios bumper: são como os anúncios em vídeo não puláveis, porém têm apenas 6 segundos de duração.
  • Cartões patrocinados: são exibidos sobre o vídeo principal (no lado direito), com conteúdos que podem ser relevantes para o espectador, pois têm a ver com o tema do vídeo principal.

Tipos de segmentação do público

Você também pode definir uma segmentação precisa para o público que deseja atingir, escolhendo quem pode ver os seus anúncios e onde eles serão exibidos.

Os usuários podem ser segmentados por diferentes critérios, como características demográficas (gênero, idade, local, renda familiar etc.), interesses (“Moda”, “Automóveis” etc.) e interações com a marca (por meio das listas de remarketing).

Além disso, você pode selecionar os locais para exibir a campanha, que podem variar entre o YouTube e a Rede de Display (sites e aplicativos parceiros). É possível, por exemplo, escolher canais e vídeos específicos ou selecionar palavras-chave que ativem a exibição do anúncio.

Tipos de cobrança do YouTube

Campanhas no Google Adwords têm uma grande vantagem: você só paga quando o anúncio alcançar o resultado desejado, como o clique ou a visualização do usuário.

Assim é feita a cobrança dos anúncios no YouTube. Você pode escolher o modelo que preferir: CPC (Custo por Clique), CPM (Custo por Mil Impressões), CPD (Custo por Diária) ou CPV (Custo por Visualização). Dessa forma, você tem um melhor controle sobre o orçamento, que pode ser ajustado a qualquer momento.


Artigos Relacionados

Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


× Baixe agora nosso e-book sobre 10 dicas de marketing digital para sua empresa
Quero o e-book!