Blog

Como fazer e-mail marketing de forma simples e certeira

Marketing Vendas
Como fazer e-mail marketing

Muita gente pensa que o e-mail morreu, porque o spam tomou conta da caixa de entrada dos usuários — e eles perderam a paciência. Mas, o cenário mudou e as empresas perceberam que o e-mail devia ser um canal de relacionamento com o consumidor. Você sabe como fazer e-mail marketing de forma efetiva?

Hoje é uma das principais ferramentas de uma estratégia de inbound marketing ou de marketing de conteúdo e está com toda a força.

Atualmente, saber como fazer e-mail marketing é essencial para criar e nutrir relacionamentos, o que é importante para ganhar a confiança do consumidor e ajudá-lo na sua jornada de compra.

E a sua empresa já sabe usar essa estratégia? Veja agora algumas dicas essenciais de como fazer e-mail marketing eficiente:

Como fazer e-mail marketing: tenha um objetivo

Por que você vai enviar um e-mail para o seu cliente? É para aumentar as vendas, divulgar uma novidade da sua empresa, enviar tráfego para o seu blog?

Todo envio deve ter um objetivo, que vai orientar a produção dos conteúdos do e-mail e das chamadas para ação (CTAs), sem perder o foco.

Assim, você consegue atingi-lo mais facilmente, pois o destinatário não vai ficar perdido em meio a outras informações desnecessárias.

Cuide da sua lista de e-mails

A lista de e-mails é o principal elemento da estratégia de e-mail marketing. Afinal, sem ela, você não tem para quem enviar as mensagens, certo?

Por isso, tenha cuidado com a sua lista. Isso significa mantê-la sempre limpa, sem contatos desatualizados ou inválidos, que prejudicam a sua reputação junto aos provedores de e-mail.

Além disso, adote uma estratégia de crescimento constante e orgânico da lista, disponibilizando formulários de cadastro no seu site para assinar uma newsletter ou baixar um e-book, por exemplo.

Segmente os envios dos e-mails

O que uma pessoa gosta pode não interessar para outra. E, quanto maior for a sua lista, mais provável que isso aconteça, já que cada pessoa tem interesses e comportamentos particulares e está em uma etapa diferente da jornada de compra (alguns ainda desinformados, outros mais maduros).

Portanto, a segmentação dos envios tem a função de torná-los mais interessantes e efetivos para o destinatário, que só vai abrir o e-mail se for relevante para ele.

Envie conteúdos relevantes

Depois de fazer a segmentação, você já sabe o que deve enviar para cada pessoa? Como já dissemos durante outra dica de como fazer e-mail marketing, o conteúdo precisa ser relevante para cada destinatário, já que a sua caixa de entrada já está cheia de e-mails, e você precisa conseguir chamar a atenção dele.

Então, estude os interesses dos seus clientes e envie conteúdos para entreter, educar, resolver uma necessidade ou ajudar a tomar a decisão de compra.

Lembre-se de criar um título atraente, que dê um gostinho do conteúdo do e-mail e desperte a curiosidade de abri-lo.

Aposte na personalização

E-mail marketing é um canal de relacionamento. E, como em qualquer relação humana, as pessoas querem ser tratadas como únicas, não como “apenas mais uma”.

É assim também com o e-mail, que deve ser personalizado. Para isso, você pode inserir variáveis no título ou no texto que, na hora do envio, serão substituídas por dados que você tenha sobre o usuário, como seu nome, cargo, cidade, entre outros.

Crie um layout simples

Mistura de cores, fontes e elementos não é uma forma de como fazer e-mail marketing. Na prática, a poluição visual acaba afastando o usuário, que vai simplesmente mandar a sua mensagem para a lixeira.

Por isso, aposte em um layout simples, com alinhamentos e espaços em branco, que favorecem a leitura e conseguem guiar o usuário para realizar as ações que você deseja.

Use uma boa ferramenta

Não há como fazer e-mail marketing sem uma boa ferramenta. Em geral, as plataformas permitem montar layouts personalizados de maneira simples, criar listas de e-mail segmentadas, agendar envios e até automatizar ações que facilitam o dia a dia da sua equipe.

O preço delas geralmente varia conforme o número de envios ou de contatos que você precisa, mas é possível até encontrar boas opções gratuitas.

Mensure os resultados

Outra dica de como fazer e-mail marketing de maneira efetiva: mensurar os resultados. As plataformas também costumam oferecer relatórios, que podem ser combinados com os dados fornecidos pelo Google Analytics.

Assim, você tem uma visão completa sobre o desempenho dos envios de e-mails e pode fazer ajustes e otimizações para melhorar as entregas, aberturas e cliques.

Essas são as principais dicas de como fazer e-mail marketing de forma simples e certeira. Agora, você já pode fazer envios que dão resultados para a sua empresa.

Lembre-se também de integrar os seus envios com os outros canais de marketing digital da sua empresa, como o blog e as redes sociais, adotando a mesma identidade para a sua marca e fazendo o consumidor transitar entre eles.


Artigos Relacionados

Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


× Baixe agora nosso e-book sobre 10 dicas de marketing digital para sua empresa
Quero o e-book!

Fale Conosco