Artigos

Nossos conteúdos

Que tal aprender mais sobre como o Marketing Digital consegue ajudar a sanar as dores do seu negócio?

Como fidelizar clientes com o marketing de conteúdo

aprox. 8 min / Marketing Negócios

Marketing de conteúdo é sempre mencionado como uma estratégia para gerar tráfego, ganhar posições no Google e atrair interesse dos consumidores, mas nem sempre para fidelizar clientes.  Continue conosco e entenda!

Afinal, no funil do inbound marketing, geralmente trabalhamos com topo, meio e fundo — ou seja, até a conversão do lead em cliente. Mas, depois disso, o marketing de conteúdo não serve para mais nada?

Engana-se quem responde que sim, pois o processo continua com a fidelização para criar um processo cíclico, onde o cliente não só volte a comprar, mas também recomende a marca. E o conteúdo digital é o grande propulsor desse ciclo.

Neste artigo, então, queremos falar do marketing de conteúdo como estratégia para fidelizar clientes. Será que é possível? Vamos ver algumas dicas de como fazer isso:

Comece a fidelizar clientes antes da conversão

Fidelizar clientes significa criar laços firmes com os clientes — tão firmes que não se quebrem com qualquer oferta do concorrente. Mas essa conexão só acontece quando há uma relação de confiança, que não se constrói da noite para o dia.

Para fidelizar clientes você precisa conquistar a satisfação deles durante toda a experiência de compra, desde os primeiros contatos até a entrega do produto.

Desde o início, entregue conteúdos que realmente satisfaçam as dúvidas e necessidades do cliente, ao invés de ficar fazendo propaganda de sua marca. Dessa forma, você desperta a confiança do cliente, que perceberá que você está realmente preocupado em atendê-lo bem, e não em vender por vender.

Lembre que marketing de conteúdo não é apenas blog

Outro ponto importante para entender como fidelizar clientes: marketing de conteúdo não significa apenas produzir posts para o blog.

Essa é a estratégia mais comum. E é extremamente eficiente na geração de tráfego e na atração de potenciais clientes. Porém, para uma estratégia de fidelização, você pode usar outros canais eficientes.

Além do blog, canais como e-mail marketing, redes sociais, YouTube, mensagens de texto e webinars, por exemplo, também podem ser usados para manter o cliente por perto.

Interaja com os clientes mesmo depois da compra

Um dos erros mais comuns das empresas é largar o cliente depois que ele faz a compra. Parece que o trabalho está finalizado. Mas para fidelizar clientes, é preciso marcar presença.

Se o cliente fez a compra, você provavelmente ficou com o contato dele. Então, envie e-mails com outros conteúdos, que falem sobre assuntos de interesse dele ou apresentem novidades da sua empresa. Sugira que ele siga a marca no Facebook e acompanhe os posts por lá.

Tudo isso é marketing de conteúdo e serve para manter a lembrança da marca ativa na mente do consumidor. Funciona como um casamento, em que você precisa estar sempre nutrindo o relacionamento para que ele não se perca.

Eduque o seu cliente sobre o produto que ele comprou

Outra forma de usar o marketing de conteúdo para fidelizar clientes é educá-lo: como ele pode ter uma experiência ainda mais valiosa com o produto recém-adquirido? Veja algumas ideias:

  • criar uma central de ajuda com perguntas frequentes;
  • enviar manuais e tutoriais de uso do produto;
  • produzir posts e vídeos segmentados para instruir os clientes;
  • oferecer treinamentos de pós-venda;
  • criar uma comunidade de clientes para troca de informações.

O cliente que comprou um smartphone, por exemplo, pode receber por mensagem de texto algumas dicas de aplicativos para otimizar o uso do aparelho. Para isso, então, é essencial conhecer as principais dúvidas e necessidades que surgem após a aquisição do seu produto.

Esses conteúdos ajudam a fortalecer sua reputação junto ao cliente, que será grato por suas instruções. A satisfação será tão grande que ele tende também a recomendar as suas soluções para outras pessoas. E esse pode ser o gancho para despertar o interesse em novos produtos da sua marca.

Desperte o interesse em outros produtos

Enfim, o objetivo de fidelizar clientes é de vender mais para os mesmos. Para isso, também não basta ficar esperando que ele volte — você precisa estimular a recompra.

Isso pode ser feito com um envio por e-mail de ofertas de upsell, cupons de desconto e lançamentos de produtos. Se o cliente reservou uma hospedagem, por exemplo, você pode oferecer um upgrade de quarto — mas lembre-se de que o conteúdo é essencial para mostrar por que isso vale a pena para ele. Em compras mais complexas, muitas vezes é necessário introduzir o contato em um novo funil de vendas para nutri-lo novamente.

Para isso, é essencial trabalhar com dados sobre os interesses e o histórico de compras do consumidor. Além disso, também é importante analisar o ciclo de vida do produto que ele adquiriu, para fazer novas ofertas no momento certo.

ENTENDER O HISTÓRICO E OS INTERESSES É FUNDAMENTAL PARA FIDELIZAR CLIENTES. POR ISSO NÃO DEIXE DE ANALISAR O PERFIL DO SEU CONSUMIDOR.

 

Enfim, já é senso comum dizer que fidelizar é bem barato que captar novos clientes. Afinal, entende-se que quem comprou da sua empresa já passou por todo o processo do funil — ou seja, já conhece a sua marca e confia em você. Então, para vender um novo produto, fica muito mais fácil.

Mas isso só funciona se você adotar as estratégias certas para fidelizar clientes. Não adianta ficar só esperando eles voltarem, pois o concorrente pode se tornar mais atrativo a qualquer momento. Por isso, invista na produção de conteúdos também para a fidelização e não finalize o funil na conversão.


Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


Artigos Relacionados
× Se interessou pelo conteúdo? Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar seu negócio
Fale conosco