Artigos

Nossos conteúdos

Que tal aprender mais sobre como o Marketing Digital consegue ajudar a sanar as dores do seu negócio?

Operacional: o que fazer durante a Black Friday

aprox. 8 min / Marketing Negócios Vendas Black Friday

Resultado de imagem para black friday

 

Na nossa série de artigos sobre a Black Friday, você já acompanhou as expectativas para 2017 e as dicas de como se preparar para as vendas. Agora, neste post, vamos ver o que a sua empresa deve fazer para cuidar do operacional durante a data.

Afinal, você quer que tudo funcione direitinho, né? Queda no servidor, falta de estoque e problemas para finalizar a compra são muito comuns em dias de grande movimento. Porém, tudo isso é um prato cheio para o consumidor ficar insatisfeito, migrar para o concorrente e nunca mais voltar.

Por isso, a operação da sua loja deve estar preparada para oferecer uma boa experiência aos clientes durante a Black Friday. Entenda agora quais cuidados você deve ter para que nada dê errado e sua empresa não perca nenhuma venda:

Defina os descontos com inteligência

Na Black Friday, o que atrai mesmo são os descontos expressivos, que chegam a 80%. Mas baixar todos os preços da sua loja aleatoriamente só para vender mais não é a solução certa. Quem foi que disse que você consegue bancar um desconto desses?

Portanto, vá com calma para não ter prejuízos. Para saber qual a porcentagem ideal de desconto, analise a formação do preço original, quanto você pagou peloproduto e quais despesas estão envolvidas.

Escolha bem os produtos com desconto

Você não precisa colocar a loja inteira em liquidação durante a Black Friday. Dessa forma, talvez nenhuma oferta se destaque, e o seu consumidor fique perdido com tantas opções.

Em vez disso, escolha alguns produtos que têm potencial de atrair o consumidor e gerar um bom retorno para o negócio. Geralmente, são ofertados os produtos que têm uma boa margem de lucro (e podem ter seu preço reduzido sem prejuízo) ou que estão encalhados no estoque (e são liquidados para recuperar o custo).

Analise o estoque

Imagine que você fez uma divulgação enorme para vender um produto na Black Friday. Mas, no dia, a procura vai além do que você esperava: ainda são 9h da manhã e o estoque já acabou. O consumidor, então, fica frustrado com a sua loja e não volta mais.

Para evitar isso, o estoque deve entrar no seu planejamento. Para minimizar a indisponibilidade, analise quais produtos têm mais potencial de vendas e encontre um equilíbrio entre o percentual de desconto, a divulgação e o número de itens em estoque.

Negocie com os fornecedores

A Black Friday é essencialmente uma data varejista. Mas isso não quer dizer que os seus fornecedores também não possam entrar na onda e oferecer descontos. Afinal, eles também têm interesse em aumentar as vendas e fechar o ano no azul.

Por isso, negocie valores mais em conta com os fornecedores para poder aumentar sua margem de lucro ou oferecer descontos mais agressivos ao cliente final.

Garanta a estabilidade do site

Com tanta oferta atrativa, é natural que o número de acessos ao site cresça muito além do normal. Mas, se você já sabe disso com antecedência, precisa se preparar para que ele não saia do ar em plena Black Friday — e cause a perda de várias vendas.

Para isso não acontecer, o servidor precisa ser capaz de atender a demanda de tráfego. Então, converse com os desenvolvedores do site ou com a plataforma de hospedagem para saber sobre a sua capacidade. Se necessário, adquira uma nova solução a tempo.

Verifique o funcionamento do site

Tão frustrante quanto acessar um site fora do ar é estar prestes a finalizar a compra e se deparar com um erro. Talvez isso seja pior ainda, pois o consumidorpassou por todo o processo de decidir a compra e adicionar o produto ao carrinho, mas não conseguiu concluir.

Para evitar isso, faça todos os testes possíveis no site, tanto no desktop quanto no mobile, principalmente com os produtos em destaque, para verificar se tudo funciona bem até a conclusão do pagamento.

Ofereça um prazo de entrega plausível

Assim como a sua loja, as transportadoras também enfrentam uma demanda acima do normal nessa época. Por isso, é comum acontecerem atrasos na entrega de produtos comprados na Black Friday.

Para se precaver de reclamações dos consumidores, seja transparente. Ofereça um prazo que seja possível de cumprir, tanto pela sua empresa quanto pela transportadora. Facilite também o acompanhamento da entrega e prepare a equipe para resolver os problemas com agilidade e eficiência.

Ofereça um bom atendimento

O consumidor tem poucas horas para aproveitar as melhores ofertas. Por isso, ele precisa resolver suas dúvidas o mais rápido possível para decidir uma compra. Então, o atendimento é essencial para fechar vendas na Black Friday.

Portanto, prepare a sua equipe de atendimento. Eles precisam conhecer profundamente os produtos em oferta e saber na ponta da língua as respostas para as principais dúvidas. Com um atendimento ágil, cordial e eficiente, você não só conquista o cliente na data, mas também fideliza.

Com essas dicas, você já consegue preparar a sua loja para receber um grande volume de visitantes e efetuar as vendas sem problemas. E o melhor: todos os clientes ficam satisfeitos! Dessa forma, eles têm mais chances de voltar e se tornarem fiéis.

Pronto, agora você já está mais preparado para a Black Friday que vem aí! Continue acompanhando o nosso blog, pois ainda temos mais dicas para a sua empresa aproveitar bem essa data.


Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


Artigos Relacionados
× Se interessou pelo conteúdo? Entre em contato conosco e saiba como podemos ajudar seu negócio
Fale conosco