Blog

Descubra qual o melhor provedor de hospedagem para seu site

Hospedagem

Seu site fica fora do ar com muita frequência? O carregamento está muito lento? Ele é vulnerável a fraudes e ao ataque de hackers? Saiba que esses problemas podem ser causados pelo provedor de hospedagem que você está usando.

O provedor de hospedagem é um dos alicerces para o sucesso da sua gestão de marketing digital. É ele que armazena o seu site ou e-commerce e disponibiliza as páginas na internet. A qualidade da experiência no site, então, está estritamente relacionada à hospedagem.

E, atualmente, um dos segredos para conquistar a confiança dos usuários é proporcionar uma navegação agradável, ágil e segura para eles. A intenção é que eles encontrem e realizem facilmente o que desejam no site, sem qualquer falha ou obstáculo.

Portanto, se você quer ter sucesso no marketing digital, precisa escolher o melhor provedor de hospedagem para o seu site. Agora, vamos ver algumas dicas de como fazer essa escolha.

O que é um provedor de hospedagem?

Um provedor de hospedagem é uma empresa que possui uma infraestrutura de servidores para armazenamento de arquivos, chamada de datacenter. Conectados à internet, esses servidores armazenam os dados e os disponibilizam para serem acessados por outros computadores. Um site, portanto, é um conjunto de arquivos hospedados nesses servidores.

Qualquer computador poderia ser configurado para funcionar como um servidor. Porém, os provedores de hospedagem são empresas especializadas no armazenamento de dados. Elas podem manter milhares de sites em funcionamento, com segurança e disponibilidade na maior parte do tempo.

Quais são os principais provedores de hospedagem?

Existem diversas empresas que oferecem hospedagem de sites, tanto no Brasil, quanto no exterior. Veja agora quais são os principais provedores de hospedagem que você pode contratar e alguns dos seus diferenciais:

  • HostGator (servidores nos EUA, com suporte 24h em português);
  • GoDaddy (líder global em domínios, com preços baixos);
  • Locaweb (líder em hospedagem no Brasil, com atendimento 24h);
  • DreamHost (garante 100% de disponibilidade, com suporte 24h em inglês);
  • UolHost (datacenter próprio no Brasil, com suporte 24h);
  • Kinghost (servidores no Brasil, oferece suporte 24h).

Como escolher um provedor de hospedagem para o seu site?

Agora que você já sabe o que é um provedor de hospedagem e conhece as principais opções do mercado, como escolher entre elas? Veja agora os principais pontos que você deve analisar para tomar essa decisão:

Capacidade de armazenamento e transferência

A capacidade de armazenamento refere-se ao espaço em disco que o provedor de hospedagem disponibiliza aos arquivos do seu site. Já a capacidade de transferência está relacionada ao tráfego de dados, que pode ocasionar quedas quando há muitos acessos simultâneos, por exemplo.

Verifique se o provedor tem capacidade suficiente para o que você precisa. Um site que tem muitas fotos ou usa muitos plugins, por exemplo, tende a demandar mais espaço.

A escolha do melhor provedor de hospedagem depende de vários fatores, por isso é recomendável listar todas as necessidades que o seu site demanda antes de optar por algum.

Possibilidade de expansão

A capacidade de armazenamento e transferência pode ser suficiente para a sua demanda atual. Mas, se a sua empresa crescer e o número de visitantes do site aumentar, o que acontece? Você precisa de um provedor que ofereça uma possibilidade de expansão da hospedagem, de maneira que ela cresça com o seu negócio.

Tempo de disponibilidade do servidor

O tempo de disponibilidade do servidor (também chamado de “uptime”) refere-se à quantidade de horas que o site esteve ativo ao longo de um período. Caso esse tempo seja baixo, isso significa que o seu site passará muito tempo fora do ar (e você vai perder acessos, conversões e clientes nesse tempo...).

Suporte técnico

A qualidade do suporte técnico é essencial. Por melhor que seja o provedor de hospedagem, é inevitável que surjam problemas e que você tenha dúvidas. Por isso, a equipe técnica deve estar disponível todo dia para resolver problemas. Já imaginou se, em plena Black Friday, o seu site cai e não volta mais? Muitas vendas vão se perder. Além disso, caso você contrate servidores do exterior, informe-se sobre a possibilidade de suporte em português e sobre os horários de atendimento.

Reputação no mercado

Uma atitude essencial para quem procura um provedor de hospedagem é conferir a sua reputação no mercado. Os sites de avaliação de clientes e a página do Facebook do próprio provedor são boas fontes de informação para isso. Elas trazem as opiniões de quem já experimentou a hospedagem e o suporte da empresa. Se houver muitas reclamações, desconfie.

Pronto, agora você já pode escolher o provedor de hospedagem com mais segurança. Compare os recursos oferecidos pelas empresas e converse com cada uma delas para entender as suas vantagens.

Uma decisão embasada nessa questão vai influenciar positivamente os resultados do seu marketing digital. Com um bom parceiro para a hospedagem, os visitantes terão uma experiência positiva no seu site, e você terá mais chances de conquistar conversões e novos clientes. Se você quer mais dicas de como melhorar a experiência dos clientes com a sua marca, leia também o nosso artigo sobre customer experience!

 


Artigos Relacionados

Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


× Baixe agora nosso e-book sobre 10 dicas de marketing digital para sua empresa
Quero o e-book!

Fale Conosco