Calina

Artigos

O que é metodologia ágil? Soluções para sua empresa

aprox. 17 min / Tendências

Um pessoa sentada sob luzes de lâmpadas.

As mudanças do mercado são cada vez mais rápidas e exigem respostas ágeis das empresas que querem manter competitividade. Por isso, saber o que é metodologia ágil e como aplicar seus princípios é uma necessidade no mercado atual.

Metodologias de gestão ajudam a sistematizar estratégias e modos de trabalho para que as empresas alcancem seus objetivos, o que é especialmente importante quando há vários projetos e tarefas simultâneos, como é comum atualmente. 

No caso da metodologia ágil, trata-se de uma forma de gerenciar projetos com mais agilidade, flexibilidade e colaboração.

A seguir, você vai entender melhor o que é metodologia ágil, como funciona e quais tipos de empresas podem adotá-la. Acompanhe agora para saber se vale a pena usar na sua empresa!

O que é metodologia ágil?

Metodologia ágil é uma abordagem não-linear e iterativa de gestão de projetos que visa ganhar agilidade nas respostas ao mercado. Também conhecida como agile, a metodologia nasceu no contexto do desenvolvimento de softwares, mas se expandiu para diversas áreas e tipos de empresas.

Pessoa pensativa olhando para uma lousa.Há outras metodologias além da agile, por este motivo é importante conhecer cada uma delas.

De maneira geral, o agile se caracteriza por ciclos curtos de trabalho focados em melhorias contínuas na criação de produtos, estratégias e campanhas. Nestes ciclos, as equipes trabalham em colaboração e com autonomia e mantêm o foco constante no usuário ou consumidor.

Em vez de fazer planejamentos engessados de longo prazo, a intenção aqui é fazer planos ágeis para implementar estratégias rapidamente (mesmo que não sejam perfeitas), receber os feedbacks, corrigir os erros, lançar mais uma vez e aprender continuamente.

Outras metodologias de gestão de projetos

A metodologia ágil é apenas uma das maneiras de gerenciar projetos. Cada uma propõe uma abordagem própria, que pode funcionar em diferentes contextos. Algumas das principais são:

  • Waterfall
  • PRINCE2
  • PMBOK
  • Scrum
  • Lean
  • Kanban
  • Scrumban

Muitas vezes essas metodologias se cruzam em uma mesma empresa ou em um mesmo projeto. Scrumban, por exemplo, é uma combinação de duas metodologias (Scrum e Kanban).

Tais metodologias que são baseadas nos princípios da metodologia ágil, mas têm suas particularidades, e saber o que é metodologia ágil pode ser um auxílio para que se  perceba outras possíveis abordagens .

Quais são os princípios da metodologia ágil?

Duas mulheres em reunião sentadas em torno de uma mesa.Saber o que é metodologia ágil pode ajudar sua empresa a nortear o projeto de seus produtos.

O embrião da metodologia ágil surgiu em 1970. Naquele ano, o cientista da computação Winston Royce defendeu que o desenvolvimento de softwares deveria dar passos para a frente e para trás com o objetivo de fazer a melhor entrega.

Dessa maneira, ele pretendia superar uma das limitações da metodologia waterfall, que se tornava inflexível com uma abordagem linear. Assim, ele também lançou a ideia dos ciclos curtos e da abordagem iterativa que caracterizam o agile.

Em 2001, essa ideia seria consolidada com o Agile Manifesto, assinado por um grupo de 17 profissionais da tecnologia da informação. Esse manifesto reúne valores e princípios que norteiam a metodologia ágil até hoje.

Os valores do desenvolvimento ágil focam nos indivíduos e nas interações, na eficácia das entregas e nas respostas às mudanças, no lugar de ferramentas e planos engessados. 

Com base nesses valores, foram desenvolvidos os 12 princípios do agile:

  • A maior prioridade é satisfazer o cliente com entregas contínuas e rápidas;
  • Mudanças nos requisitos são bem-vindas, mesmo que tardiamente no projeto;
  • Softwares com valor agregado devem ser entregues na menor escala de tempo;
  • Gestores e desenvolvedores devem colaborar diariamente em todo o projeto;
  • Indivíduos precisam de motivação, confiança e suporte para construir os projetos;
  • Conversar pessoalmente é a forma mais efetiva de trocar informações;
  • Software funcionando é a medida primária de progresso;
  • Processos ágeis promovem desenvolvimento sustentável;
  • Contínua atenção à excelência técnica e bom design aumenta a agilidade;
  • Simplicidade (maximizar a quantidade de trabalho não realizado) é essencial;
  • As melhores arquiteturas, requisitos e designs são de equipes auto-organizáveis;
  • A equipe deve avaliar sua eficácia e fazer ajustes em intervalos regulares.

Esses princípios se tornaram os mandamentos da metodologia ágil no mundo inteiro. Eles foram pensados para a criação de softwares, mas diferentes áreas de negócio já adaptaram para a sua realidade.

Quais são as vantagens de adotar a metodologia ágil?

A metodologia ágil traz diversas vantagens para as empresas no mercado atual. Vamos ver agora quais são os principais ganhos:

Respostas rápidas ao mercado

No modelo tradicional, produtos passam por um longo processo de planejamento. Quando lançados, perdem o timing das mudanças e demoram para se adaptar.

Já a metodologia ágil prevê um processo circular de implementação-mensuração-aprendizado, que acontece de maneira rápida e constante. Isso permite que a empresa esteja sempre atenta e pronta para responder aos feedbacks do mercado.

Foco no consumidor

Empresas ágeis são orientadas ao mercado. Isso significa que as respostas do usuário ou consumidor à interação com o produto norteiam o projeto do início ao fim. Esse foco é importante para que a empresa consiga satisfazer as demandas do consumidor.

Aumento de produtividade e eficiência

A prática da metodologia ágil torna as reuniões mais rápidas, desburocratiza tomadas de decisão e melhora a comunicação entre as equipes. Essas mudanças otimizam o trabalho e permitem que as equipes façam mais entregas, com mais qualidade, em menos tempo.

Alinhamento da equipe

Metodologias ágeis dependem da integração entre os participantes do time. Eles devem fazer reuniões frequentes, compartilhar tarefas concluídas e afazeres, avaliar resultados e trocar feedbacks para melhorar os processos. Dessa maneira, todos os integrantes visualizam o andamento do projeto, que ganha mais transparência e alinhamento.

Estímulo à inovação

Equipe de trabalho em pé  cada um usando seu smartphone ou tablet e uma pessoa com um laptop.

Nas empresas ágeis, as equipes são autogestionadas, os integrantes do time colaboram entre si e têm autonomia para tomar decisões. Esse modelo de empresa é propício para gerar ideias e produtos inovadores, que precisam de agilidade para sair do papel e atender os problemas dos clientes no tempo certo.

Transformação digital

Agilidade e transformação digital andam juntas. Perceba que transformação digital não significa estar nas redes sociais ou usar ferramentas tecnológicas.

 Esse processo é mais abrangente: significa se adaptar a todas as transformações da era digital. Então, para entrar no ritmo da nossa época, é preciso adotar metodologias que respondem rapidamente às mudanças.

Quais empresas podem adotar a metodologia ágil?

Qualquer tipo de empresa pode adotar a metodologia ágil. Embora tenha surgido na área de desenvolvimento de softwares, o agile já foi absorvido em diversos setores, como na indústria da construção, na educação, no setor financeiro e no marketing. 

O importante é que adaptem sua mentalidade à era digital e envolvam seus colaboradores nessa mudança.

Empresas nascidas na era digital, como Netflix e Spotify, já adotam metodologias ágeis naturalmente em seus times. Mas empresas que nasceram com estruturas tradicionais, como SAP e Bosch, vêm implementando metodologias ágeis em projetos pontuais, à medida que aderem à transformação digital.

A SAP foi uma das primeiras empresas tradicionais a adotar o agile. A empresa começou a adotar metodologias ágeis no desenvolvimento de softwares. 

Nessa área, refinou a abordagem e ganhou a confiança dos colaboradores ao provar que a mudança trouxe ganhos de produtividade. Depois, a metodologia ágil se expandiu para as áreas de vendas e marketing.

A Tesla é outro bom exemplo. Em vez de investir nos tradicionais lançamentos anuais, a empresa responde em tempo real ao feedback dos clientes — são cerca de 20 mudanças por semana para melhorar produção e desempenho. Até mesmo interações nas redes sociais resultam em ajustes rápidos na engenharia dos carros.

Enfim, a metodologia ágil transforma a percepção das empresas sobre as mudanças. Em vez de enxergá-las como problemas ou entraves para o negócio, elas são vistas como oportunidades para ajustar as estratégias e assumir uma vantagem competitiva diante dos concorrentes.

Em um mundo cada vez mais veloz e inconstante, não há mais como brigar com as mudanças — é preciso saber como aproveitá-las para ter mais eficiência e sucesso nos seus projetos.

Agora, que você sabe o que é Metodologia ágil, como ela funciona e qual a sua origem, aproveite para ler mais sobre gestão empresarial e sua importância para os negócios.


Sobre o autor

Grupo Raccoon Grupo Raccoon

Conteúdo exclusivo do Grupo Raccoon. O Grupo é formado pelas agências Calina, Raccoon e Rocky e tem performance em seu DNA.


Artigos Relacionados
× Baixe agora nosso e-book sobre 10 dicas de marketing digital para sua empresa
Quero o e-book!