Calina

Artigos

Branding: como usá-lo para conquistar clientes

aprox. 8 min / Marketing Negócios Vendas
o-que-e-branding

Você sabe o que é branding? Antes mesmo de olhar para o preço ou as vantagens de um produto, o consumidor toma sua decisão de compra baseado em aspectos psicológicos e emocionais. Ele não compra algo — compra o que aquilo representa para a sua vida.

Por isso, o trabalho de construção de marcas — chamado de branding — tem como objetivo conquistar um lugar único e privilegiado na mente dos consumidores, pois é lá que as decisões são tomadas. Mas como a sua empresa pode chegar até esse ponto e se tornar a marca preferida do público?

É sobre isto que vamos falar neste artigo: o que é branding e como usá-lo para conquistar clientes. Conheça melhor essa estratégia agora:

O que é branding?

Antes de responder, pense conosco: o que é uma marca? Talvez você pense que é o nome ou o símbolo que identifica uma empresa no mercado. Porém, isso não é a marca — é apenas uma das formas de apresentá-la ao público.

O conceito de marca é muito mais abrangente. Ele engloba as percepções dos consumidores sobre o conjunto de experiências que eles têm com a sua empresaem diferentes pontos de contato. Isso significa que as marcas não são criadas dentro de um escritório ou nas prateleiras do mercado, e sim, na mente dos consumidores.

O que é branding então? Do que se trata? Branding é a construção de uma marca. Seu papel é conquistar um espaço único na mente do público, fortalecer seu posicionamento por lá e se diferenciar dos concorrentes.

Para isso, a marca precisa assumir uma personalidade — assim como uma pessoa, que tem valores, atitudes e propósitos — e transmiti-la ao mundo por meio das suas estratégias de marketing. O branding engloba todo esse processo.

Por que a sua empresa deve investir em branding?

Branding não é uma estratégia de vendas. O retorno do investimento em clientes e faturamento não é direto nem instantâneo, por isso muitas empresas acabam deixando o branding de lado.

Entender o que é branding é saber que embora os resultados não sejam tão facilmente perceptíveis, eles são duradouros. Isso acontece porque sua marca, ao conquistar a mente do consumidor, estabelece uma relação afetiva com ele, que é muito mais difícil de quebrar.

Com o trabalho de branding o consumidor se identifica com a sua marca, que será sempre lembrada no momento da compra. Dessa forma, essa estratégia também tem o papel de tornar a decisão dos clientes mais clara e rápida. E, quanto mais a sua marca se fortalecer, mais será lembrada e escolhida pelos consumidores.

Além do retorno indireto em clientes, vendas e faturamento, as marcas fortes também conquistam valorização no mercado. O que isso significa? Como um ativo da empresa, ela pode ser negociada em termos financeiros em uma eventual venda ou licenciamento da marca. Quanto mais forte ela for, mais ela vale.

Afinal, como usar o branding para conquistar clientes?

Não adianta saber o que é branding sem entender como aplicá-lo para conquistar clientes, certo? Você já sabe que essa não é uma estratégia de vendas. Portanto, é preciso passar pelo processo de construção da marca para perceber o impacto na aquisição de clientes.

Vamos ver agora um passo-a-passo simples para chegar até esse ponto:

1. Encontre o propósito da sua marca

Em geral, o diferencial de uma marca não está apenas nos atributos funcionais dos seus produtos. Elas precisam focar naquilo que representam para os consumidores e isso se revela pelo propósito que assumem no mundo.

2. Conheça bem o seu público

Para conquistar a mente do consumidor– antes de entender o que é branding– você precisa antes conhecê-lo bem. O que ele valoriza? No que ele acredita? Como ele se relaciona com o mundo? Como ele se comporta? Assim, é mais provável fazê-lo se identificar com sua marca.

3. Defina os valores que identificam a marca

Depois de conhecer bem seu consumidor, é possível definir os valores e atributos que representam a personalidade da marca. A Harley-Davidson, por exemplo, é uma marca identificada com espírito aventureiro e liberdade — e é isso que os consumidores buscam nela, não apenas motos.

4. Construa a identidade da marca

o-que-e-branding

.

A partir da definição de um propósito e dos valores da marca, você já pode desenvolver a sua identidade. Isso significa pensar em um nome, símbolo, cores, slogan e linguagem que representem a personalidade da marca.

5. Estabeleça as estratégias de marketing

Enfim, as estratégias de marketing embasadas na identidade construída, são responsáveis por transmitir todo o trabalho de branding ao consumidor. Afinal, é por meio do conjunto de experiências com a marca que o consumidor compreende o que ela representa.

A intenção do branding, portanto, não é apenas identificar uma empresa no mercado. Branding consiste em tornar a marca um estilo de vida para os consumidores, que se identificam com a missão que ela exerce no mundo e os valores que fazem parte da sua personalidade.


Sobre o autor

Daniel Palis Daniel Palis

Possui formação em Ciência da Computação pela USP, Publicidade & Propaganda pela UFG, além de um MBA em Marketing Digital (ESPM/SP). Trabalhou por mais de 3 anos na SKY, empresa de TV por assinatura, fazendo parte da equipe de Marketing.


Artigos Relacionados
× Baixe agora nosso e-book sobre 10 dicas de marketing digital para sua empresa
Quero o e-book!